Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


O "câncaro", o meu pai, eu e os outros...#21

por lady magenta, em 28.11.11

(imagem retirada da net)

 


 

E ao fim de 15 dias de internamento, uma passagem pela U.CI.P. , com direito a uma fuga na "canalização", estamos finalmente em casa...

Não é que ache que eras mal tratado ou cuidado, bem pelo contrário, mas pela canseira e pressão psicológica...E pelo ambiente e, por todas as histórias que por mais que não queiramos saber, as pessoas insistem em contar...Ou então, a minha querida agente indiscreta Maria Leonor, fazia questão de indagar!

Wathever...

Ao menos agora o teu neto já não chora com muita pena do avô e, saudades..."Tantas, tantas mãe!"...

E ao menos agora já presencias quando, em vez de colocar o açúcar na chávena do café, o colocar no copo de Ice Tea! Ou então quando tornar a colocar o prato do jantar no caixote do lixo, em vez de dentro do lava-loiça...É que a minha "molécula" está um bocado para o abananada...Tive de aprender algumas coisas estes últimos dias. Por exemplo, a despejar o teu saco do dreno (e não...não é bonito, nem cheiroso, nem agradável!!! vais começar a comer coisas cheirosas! rosas, sabonetes, perfumes...etc..) Também aprendi para que servem afinal os cuidados paliativos...E não, também não gostei de ter de aprender...E também não me quero debruçar a sério sobre o assunto...

Acho que neste momento o que queria mesmo, era esquecer as palavras da enfermeira Daniela " Aproveite...O meu pai partiu com o mesmo tipo de tumor que o seu pai, por isso sei o que estão a passar...Aproveite muito e divirtam-se...Gozem-se, amem-se...Porque este vai ser o vosso último natal..."Credo... Eu não quero isto! Eu não quero aprender a fazer pensos, a reconhecer sintomas, a despejar sacos de drenos, não quero saber de cuidados paliativos nem de equipas pluridisciplinares!!!! Eu quero fugir daqui e esquecer isto tudo....Quero levar os meus filhos e poupá-los daquilo que ainda está para vir...Eu não quero que tenhas de passar por isto, nem tu nem ninguém...

Mas depois acordo e vejo que não há milagres. Que a realidade é diferente e que não vale a pena fugir...é como as fraldas do cocó dos miúdos, podemos ignorar o cheiro, mas mais cedo ou mais tarde, vamos mesmo ter de lidar com o cocó!!!

Pois... a analogia não foi das melhores, mas ficaram com a ideia, certo?

Enfim pai...Eu queria não ter de passarmos por isto, mas como tem de ser, olha passemos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:16


1 comentário

De Bina Ladina a 06.12.2011 às 02:46

Nem imaginas o que eu entendi e senti a tua "posta"...
O que me chateia é que tou a ver o meu pai a definhar e eu não tou a conseguir fazer nada, a minha mãe.. já não dá pra safar nada..
Mas siga.. Tenta cuidar dele o melhor que podes, e eu sei que tu és uma pessoa decente e consegues fazer isso :)

Agora tenho que me pirar que .. a noite ainda é novinha pra todo o trabalho que eu tenho q fazer.. :X

Comentar post



Porque nem tudo o que luz é ouro e nem tudo o que brilha é prata...

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2011

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D