Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O "câncaro", o meu pai e eu...e os outros...#16 dia...

por lady magenta, em 29.10.11

(imagem retirada da net)

 

 

A partir de agora não me interessa quantos dias passam, o que me importa é que estejas cá. Com garra para lutar... Não quero saber quantos dias de luta e de sofrimento...Chega de pensar em ti e em mim. Os outros também fazem parte de nós...Os teus netos, a mãe, o meu marido, a minha irmã, o resto da família e os amigos...

 

Na quarta-feira foi dia de consulta. Sem stresses nem dramas...Entrámos, o Dr. explicou o que se vai passar agora e, chegámos a acordo que estava na hora de saberes o que realmente se passa...Já sabes. Sem dramas nem choradeiras. Sem pedaços de culpa... Apenas disses-te que não irás partir sem dar luta. Acredito. Da mesma forma que acreditas que depois do prognóstico inicial, estamos melhor...Primeiro ninguém faria nada...Não havia esperança...Agora preparamo-nos para outra batalha. Cerca de doze horas de bloco operatório...Estamos cá pai. Estamos cá para o que der e vier...

Finalmente leste o que escrevo...Leste, "salva-seja"! Li-te, é que esses olhos parecidos com os meus, (ou o inverso, mas eu tenho mais pestanas, apesar de falsas...), não te deixam ver bem as letras miúdas...Li-te e ainda te ris-te... Quem diria que esta pseudo-experiência de filha que tens, afinal até tinha estas coisas a pulular dentro de si?... Ficas-te surpreso, mas agora tomaste-lhe o gosto e queres estar a par do que para aqui se passa...Tudo bem. Pelos vistos irás ter tempo...Mais do que esperávamos, menos do que aquilo que gostaríamos...

Não se pode ter tudo pai... Não querias que fosse bela e inteligente, tudo ao mesmo tempo é uma maçada...Sou engraçada e temperamental...O pior é que dentro de mim explodiu algo... Algo que me faz acreditar que os 3 meses iniciais se calhar se tornarão em 6...

Sabes pai, gosto de ti...és o meu herói...E prometi que enquanto te vir a lutar, vou lutar também!...E tu sabes que as minhas promessas são dividas...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:10

ai a minha vida! #5

por lady magenta, em 24.10.11

 

 

(imagem retirada da net)

 

 

 

Este blog até poderia ter por título "Coisas que só a mim acontecem e às quais a maioria acha imensa piada..."

Enumerando ,mas fazendo uma selecção das mais escaganifobéticas;

 

- Sair de casa de madrugada para ir buscar o filho teenager em camisa de dormir e havaianas;

- Ter uma estudante de Erasmus nua, sim sublinhei para enfatizar o NUA, sentada no tejadilho do carro às 8 da manhã numa rua da cidade;

- Andar num táxi cujo motorista, a meio do percurso, resolveu masturbar-se...(sim, leram bem);

- Ser apanhada por dois cócós do mesmo pombo em três passadas;

- Deixar o carro aberto e destravado no parque do trabalho;

- Sair para a rua no meio da tempestade da noite passada, em pijama e pantufas, pois uma arvore, aquela que jamais cairia, resolveu cair bem do lado do meu carro...

 

Vá agoram digam se coisinhas boas como estas (e sem enumerar todas senão este post ficava bem deprimente ou fantástico ou imaginativo, depende da interpretação de cada um), já vivenciaram?

...

Nenhuma?

...

Eu bem me queria parecer que coisas assim só mesmo comigo...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:11

o "câncaro", o meu pai e eu #15- dia 47

por lady magenta, em 21.10.11

famous life quotes 4

(imagem retirada da net)

 

 

 

Pois é...Nos últimos dias pensei muito em relação à vida, aos desafios que nos são impostos, às metas e objectivos...

Tive o prazer de ter uma conversa com o António, colega de camarata do meu pai, a quem tiveram de amputar parte da perna direita, por uma falha de diagnóstico, ou por um diagnóstico tardio...Mesmo assim ele é um resistente. Ganhei uma outra perspectiva da vida, através dos olhos dele...Toxicodependente recuperado, a trabalhar, com a sua vida organizada e, agora, agarrado a uma cadeira de rodas até lhe retirarem a tíbia...Enfim...Quando ele pensava que finalmente se tinha levantado, caiu...Mas mesmo assim não desiste. Apesar de completamente sozinho...A família não quer saber dele, apesar dele estar bem, pela parte dele, também não quer saber...Acha que estão no direito deles, fruto de outras guerras...

A minha colega Tina também me deixou a pensar na vida...Num exame de rotina, descobriu que tinha o bicho "câncaro"...Com 44 anos, viu todos os planos ficarem de cabeça para baixo...Já cortou o cabelo bem curtinho, mas fica gira, por solidariedade até estou capaz de rapar o cabelo também...Pela minha colega, pelo pai do meu filho, pelo meu pai, por todos os bravos guerreiros que se vêm nesta luta muitas vezes inglória... Chego à conclusão que o facto de ter uma nódoa nas calças, ou o verniz das unhas a descascar, o cabelo com raizes descoloradas ou com um mau corte, a falta de dinheiro constante, não é absolutamente nada!...Acho que a vida é mesmo assim...

"Quando pensamos que temos todas as respostas, vem a vida e altera as perguntas..."

Já gostava desta frase, mas agora é que entendo o seu verdadeiro sentido...

Queixo-me eu com as banalidades da vida e, ainda agora acabei de saber, que um casal de primos, grávidos de gémeas, acabaram de perder uma das filhas...

Pelo amor da santa...

Realmente este ano, parece ser o ano em que a vida ganhou outro sentido...Em que descobri em mim e, nos outros, forças que desconhecia. Sentidos opostos, que a um dado momento se tornam em vias de sentido único. Becos sem saída e túneis escuros, onde de repente, se descobrem atalhos e luzes ténues no fundo da linha...

A vida é tudo e muito, muito mais...

 

O meu pai está novamente em casa...Constipado e rezinga! Quer saber o porque de tanto exame, o porque de conversas em surdina...Eu não lhe conto, apesar de sentir nos seus olhares, que ele sabe que eu sei o que se passa...Jurei que ele não ficaria a saber por mim...4ª feira é dia de consulta, o dia em que vai ficar a saber de tudo...O médico não lhe pode continuar a omitir a informação e, ele como doente tem todo o direito de saber...Se fosse comigo eu também quereria saber...Provavelmente não queria era ficar a saber pelos meus filhos, nem ficaria feliz se eles soubessem e não me contassem...Enfim...

A luz ao fundo do túnel já se vê...Depois de um prognóstico inicial de 3 meses, sem hipótese de tratamento, já se fala em cirurgia...Para quê ou qual a finalidade, só saberemos na próxima 4ª feira, o dia de todos os desafios...Mas já existe data, provavelmente no próximo dia 7 de Novembro. Até lá, logo se vê...Um dia de cada vez, um passo de cada vez...

 

Este ano está a ser difícil, pautado por tudo o que é bom e, por tudo o que é rasca...

A mudança de local de trabalho e empresa, depois de 5 anos oprimida e subjugada, a doença do pai do meu filho, a doença do meu pai...

O nascimento das minhas meninas algarvias, o convite para madrinha da minha Diana...Foi o momento mais feliz deste anos a par com o seu nascimento...Finalmente tenho uma menina na minha vida...A menina que a natureza me levou 3 vezes...Mas eu persisti! E agora ela está tão linda...E tem uma madrinha doida e tão ausente...Enfim...

 

Sabes pai, estás aí a jogar às damas e nem dás conta que estou aqui a escrever para ti...Para a semana já lês isto tudo de fio a pavio...Mas faz um favor aqui à doida da tua filha, não chores como ontem, porque agora que fiz extensões de pestanas, se choro as tipas ainda me caiem e se colam ao nariz!!!!!!( não deve ser uma imagem bonita, um nariz cheiinho de pelos bem pretos e longos...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:04

O "câncaro", o meu pai e eu...#14 dia 43

por lady magenta, em 17.10.11

 

(imagem retirada da net)

 

 

E a Angiografia já está feita. Correu bem dentro dos possíveis... A porra é que agora não te podes mexer. Não se pode ter tudo, certo? Ainda nos rimos os dois, pelo teu entusiasmo...Não doeu, nem sentis-te nada e ainda viste as tuas veias e ossos! Há coisas fantásticas... Ainda por cima gozas-te pelo facto de a tua coluna, parecer a espinha de um carapau...Por mim, acho que é mais de um bacalhau...Os ossos são mais espessos!

Hoje comecei a manhã a chorar. Chorei porque não te pude acompanhar, tive de te deixar À porta e zarpar...Os Srs.. seguranças hospitalares não se deixam condoer com as minhas súplicas..."Vá, deixe o Sr.. e torne a sair..." Naquela zona é complicadíssimo estacionar, quase a roçar o impossível...Enfim.

Agora tens de ficar aí até estares em condições de ir para casa. Poderá ser amanhã, ou depois...Não gosto quando vais para o hospital. Não gosto mesmo...Fica um vazio dentro de mim. Apetece-me correr para o pé de ti e não te largar a cama. Não pode ser! Com o meu tamanho, tinhas de dormir no chão...

Sei que estás num quarto novo, com colegas novos...Até tremo de pensar que amanhã te irei visitar...Que histórias serão as deles, que maleitas os acompanham...Definitivamente, passei a ter asco a hospitais...E a médicos...E a tudo o que se relacione com assuntos de saúde...

Acho que sendo assim, se calhar é melhor mudar de área profissional...Deixei de me orgulhar de batas brancas...Agora passo o tempo a orgulhar-me de quem as enverga...

Ai pai...Se um dia conseguir levantar a cabeça e encarar o quanto isto me custa, darme-ei por feliz e orgulhosa...Até esse dia, vou continuar aqui, a escrever esta espécie de diário dos teus dias a lutar contra o bicho "câncaro"...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:53

ai a minha vida!#4

por lady magenta, em 15.10.11

(imagem retirada da net)

 

 

"Meus amigos são todos assim: metade loucura, outra metade santidade. Escolho-os não pela pele, mas pela pupila, que tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. Escolho meus amigos pela cara lavada e pela alma exposta. Não quero só o ombro ou o colo, quero também sua maior alegria. Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto..."

 

(Fernando Pessoa)

 

Obrigada. Aos amigos de todos os dias, aos amigos presenciais, aos amigos virtuais, àqueles amigos que a vida afastou mas tornou a juntar agora, aos amigos que infelizmente passaram pelo que estou a passar e resolveram dar o ombro, a mão, o pé...Aos amigos, aos meus amigos um sincero OBRIGADA por estarem ai desse lado e por não permitirem que me afunde ainda mais no pântano que se tornou a minha vida...(mas é um pântano bonito...até tem sapos!...e sapas...e amigos imaginários e troll's e Fionas e tudo e tudo e tudo...) 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:54

o "câncaro", o meu pai e eu...#13 dia 39

por lady magenta, em 13.10.11

(imagem retirada da net)

 

 

E esta noite dormis-te assim...Teve de ser. As malvadas dores que não te largam, obrigaram-te a curvares-te sobre ti para conseguires sossegar...Contaste-me com lágrimas nos olhos e, eu do alto do meu pedestal, só te respondi que é melhor dormir assim do que não dormir de todo...Fui estúpida eu sei, mas se te dissesse o que sinto pai...Ai pai...Porquê? Porquê tu? Porquê assim...Tantos porquês que vão ficar sem resposta...E depois ainda tenho de ouvir certas bestas dizer para não sofrer por antecipação! A vontade que tive foi de escrever, ou telefonar e dizer assim, umas coisinhas bem típicas da minha pessoa, dentro do género "dark-bairro-shunga"...Enfim...Sabes pai, queria poder gritar com esse malvado cancro, afuguentá-lo, mandá-lo à merda quem sabe...Podia ser que se me desse uma daquelas minhas características fúrias ele fugisse...Quem me dera ter com quem me revoltar. Revoltar com quem? Para quê?... Eram dois trabalhos, revoltar-me e "desrevoltar-me"! Enfim pai... Ao menos hoje quebrámos as regras, fugimos à dieta imposta e comes-te açorda e carapaus fritos...Dizem que é comer de pobre, olha ainda bem! Soube-te "pela vida" e a mim fez-me bem, ter um momento de aparente normalidade...Aparências...Neste momento é o que me resta.

Sabes pai, um dia que leias tudo o que escrevi, sei que te vais orgulhar ainda mais do que te orgulhas de mim...Afinal eu fui a proscrita, a drogada, a ladra, a leviana...Fui isso tudo e mais... Tanto que lutei até te mostrar que afinal renasci das cinzas...Que a ideia que tinhas era errada.

Sim pai, há palavras e conversas que não precisamos de ter...Os nossos olhares dizem tudo.

Hoje vi que tens medo...E tu viste que eu também...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:40

o "câncaro", o meu pai e eu...#12 dia 36 (parte 1/2...)

por lady magenta, em 11.10.11

(imagem retirada da net)

 

 

Então vamos lá ver se é desta.

O exame complicado já está feito. Correu bem, pelo menos voltas-te para contar a história. Até tiveste direito a pulseira nova! E a um engano que te valeu uma refeição de gente...Esparguete com bolonhesa de carne, caldo verde e arroz doce (de certeza que te soube melhor que as papas e sopas que tens de comer desde à 36 dias...)

Hoje fui-te ver. Vou sempre, mas hoje foi especial. Já não estavas com o pijama do lógotipo cheio de remendos e nódoas...Obrigação hospitalar...

 A cavaqueira foi tão amena, que quando dei por mim já ria alto, "parvalhava" alto e falava alto... O teu colega da cama ao lado estava todo contente...Ainda nos fartámos de rir, contigo incluído, quando ele me contava que já não queria a perna que tiveram de lhe cortar. Dei-lhe razão. E também acrescentei que para lha darem de novo, só se fosse mais nova e depilada!E já agora, com pedicure incluída...Com a sorte que ele teve, ainda lhe implantavam alguma em plástico, de algum chinês manhoso...

Ri a bom rir...Até estava a fingir bem. Sou forte, muito forte, quando estou à tua frente e a "parvalhar" para os teus companheiros de quarto...

O pior foi quando cheguei ao corredor...A vontade que tive, foi que me teletransportassem para outra realidade qualquer...Onde nem tu, nem nós tivéssemos de passar por isto...

Certamente que o que não nos mata, nos torna mais fortes...Se assim for, qualquer dia acordo verde e musculada. Tipo Hulk... Mas olha, também posso sempre acordar de armadura e capacete de cornos, tipo viking e de martelo alado, tipo Thor...Quando me zangar a sério, pego no martelo e dou com ele em certas cabeças!

Ai pai...Ainda bem que não me ouves pensar, nem me lês ainda...Porque quando sonhares que estas coisas giram dentro da minha cabeça, vais dar razão àquilo que o teu neto teenager disse à uns bons anos atrás..." Tenho uma mãe mesmo maluca..."

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:31

o "câncaro", o meu pai e eu...#12 dia 36

por lady magenta, em 11.10.11

 

 

 

Tinha eu escrito um post tão lindo e inspirado e, o mesmo sumiu...há coisas fantásticas!

Como estou cansada, tenho sono e estou muito chateada, vou ali dormir umas horas e tentar escrever qualquer coisa de jeito, amanhã...

Obrigada Sr. batráquio...Por teres levado o meu post tão lindo e cheio de sarcasmo e ironia, a passear pelo vasto espaço cibernético...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:33

ai a minha vida!#3

por lady magenta, em 09.10.11

(imagem retirada da net)

 

 

E assim, em menos de nada, acabaram-se as férias...

Para o ano há mais. Agora é tempo de arranjar as farpelas, organizar horários, enfim...

Amanhã começa mais uma etapa na ronda do "câncaro"...Amanhã começo eu na labuta e o meu pai nas estadias hospitalares.

Amanhã queria poder acompanhar-te, mas não posso...Com sorte pode ser que chegue a tempo de te dar umas beijocas antes do jantar...

Amanhã vais para a tua saga e, eu para a minha...

A minha bem mais fácil que a tua, porque se me chatearem muito, viro-lhes as costas e deixo tudo a falar com as paredes, ou os seus amigos imaginários, porque todos os temos...

Tu é que não lhes podes virar as costas...Ainda saías do hospital cheio de catéteres e com o belo do pijama do logótipo...Não dava jeito. Até porque não tens alternativa, ou levas com as drogas e os tratamentos, ou não há passeios para ninguém! E sabes que as minhas promessas são dividas...

Mas olha que até pagava para te ver a correr Martim Moniz a fora, com o suporte do soro na mão e o belo do pijama do logótipo...Com montes de gente a gritar e a correr atrás de ti e a dizer:"Agarra que é doente oncológico!!!!!"...

Era lindo, não era...Ainda bem que não me ouves a pensar, ou juravas a pés juntos, que esta filha que crias-te não é tua...Foi fruto de alguma manipulação genética que correu menos bem...E tu com pena, tiraste-a do caixote do lixo e levaste-a para casa...

Ai pai...Ainda bem que não me ouves a pensar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:08

R.I.P. Steve Jobs...

por lady magenta, em 06.10.11

(imagem retirada da net)

 

"No one wants to die. Even people who want to go to heaven don't want to die to get there. And yet death is the destination we all share. No one has ever escaped it. And that is as it should be, because Death is very likely the single best invention of Life." 

 

Steve Jobs

 

Adeus a um grande homem, também ele vitima de cancro do pâncreas...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:00

Pág. 1/2



Porque nem tudo o que luz é ouro e nem tudo o que brilha é prata...

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D